Home Office Será que é pra mim?



Introdução 
Nos últimos anos muito se fala sobre Home Office, ou melhor dizendo o Virtual Office.  As empresas estão buscando formas de reduzir seus custos com postos de trabalho e também de criar flexibilidade para os trabalhadores da nova geração. Além disso, a globalização da economia faz que possamos ter trabalhos em múltiplos países, criando um ambiente nas empresas em que as pessoas se acostumam a estarem em espaços diferentes. Segundo o blog OfficeVibe 40% da força de trabalho até 2020 serão freelancers, temporários, e contratados independentes criando uma grande necessidade de trabalho virtual (à distância). 
Mas muitas dúvidas pairam no ar: Será que isso é para mim? Qual o impacto disso na minha vida profissional e pessoal? Por onde começo? 
As palavras de ordem são: COMPORTAMENTO E TECNOLOGIA. 
Se você está entrando no mundo do trabalho virtual e quer dicas do que ter no seu Home Office dê uma lida nesse artigo que eu escrevi há um tempo atrás sobre o assunto. 
Será que é pra mim? 
Essa é pergunta que sempre nos faremos. Será que o Home Office é uma opção para o meu trabalho? 
A resposta essa pergunta pode parecer simples, mas não é! Primeiro vamos entender o que é um Home Office: Oriundo da expressão em inglês “Home Office que significa “Escritório em Casa”, é um método de trabalho onde colaboradores, principalmente freelancers, compartilham a infraestrutura do ambiente doméstico – home(lar) e office(escritório) para desenvolver o seu trabalho profissional. É um conceito de modelo empresarial que acaba mudando o perfil do emprego e do local de trabalho.  
No mercado a expressão Virtual Office deixou de ser usada (é a mais coerente) pois os ambientes compartilhados de trabalho (coworkings) começaram a usar ele como um serviço onde empresas podem pagar para ter o endereço para correspondência e atendimento de chamadas. Então, para que não haja confusão vamos usar o termo Home Office. 
Segundo o site Diário Financeiro, as vantagens e desvantagens do trabalho em Home Office são: 
Vantagens: 
  • Trabalhar em casa é econômico: não há gastos com aluguel de um escritório (no caso dos autônomos ou empreendedores), a alimentação pode ser feita exclusivamente em casa e não há gastos com transporte e até mesmo roupas. 
  • Menos impostos: dependendo do ramo de atividade e da faixa de rendimentos, quem quiser empreender de casa pode ser formalizado pelo regime do Microempreendedor Individual, pagando apenas a taxa fixa mensal unificada. 
  • Poupa-se tempo: não há tempo perdido com deslocamentos, pois o trabalhador está há poucos passos da cama até a mesa de trabalho. 
  • Há maior autonomia e privacidade: o trabalhador gerencia seu tempo e suas demandas, sem superiores ou colegas cobrando ao lado. 
  • Proximidade da família: Para quem tem filhos pequenos, parece ser uma boa solução para ficar perto. 
Desvantagens 
  • Trabalhar em casa exige estrutura: uma internet de qualidade para se comunicar com o cliente e/ou escritório, mesa e cadeira confortáveis, além de infraestrutura básica: luz, água, e etc. 
  • Exige planejamento financeiro: há mais gastos básicos na casa, e no caso dos empreendedores, não há a estabilidade de um emprego de carteira assinada, depende das flutuações dos clientes. 
  • Perde-se tempo: em casa é mais difícil gerenciar o tempo. Aparecem distrações com mais frequência, além de situações relativas à casa e não esperadas. 
  • A auto-suficiência, se não bem gerenciada, pode levar à insuficiência. É preciso organização da parte do escritório e do trabalhador para que este não fique afogado nas demandas, ou sem fazer nada, ou ainda isolado. 
  • As demandas da família tomam conta de todo o tempo. Estar em casa não significa estar disponível, é preciso deixar isto claro para todos. 
Agora que já sabemos o que é o Home Office, suas vantagens e desvantagens, vamos começar a pensar se ele se encaixa no meu tipo de trabalho. O primeiro questionamento que devemos nos fazer é: meu tipo de atividade comporta o trabalho fora do ambiente do escritório? 
Imagine um médico fazendo atividades de consulta médica em casa? Ou um vendedor de loja? Um operador de empilhadeira? Um jardineiro? Um marinheiro?  
Será que essas funções poderiam estar em um ambiente diferente do seu local de trabalho? Certamente você respondeu que não, não é !? pois bem, essas funções (e algumas outras) não são candidatas ao Home Office. Estimo que cerca de 20% a 30% das funções de uma empresa de serviços esteja nesse caso. 
Mas isso significa que se minha função é candidata já posso trabalhar em casa? bom, a resposta pra essa indagação é não.  Precisamos agora entender se eu, como pessoa, tenho comportamentos e atitudes esperadas para o trabalho nessa modalidade. O trabalho fora do escritório exige disciplina, metas e auto-gestão, pois você não terá o seu gestor o dia todo ali te supervisionando, e como já vimos nas desvantagens é preciso estrutura pro trabalho e a colaboração da família.  
Pronto então agora já que avaliei isso tudo, e passei, já posso trabalhar em casa? Não, ainda não. Pois tem mais um aspecto aí que a estrutura da empresa. As ferramentas tecnológicas necessárias para o trabalho virtual precisam estar disponíveis na empresa que eu trabalho, para que então eu possa trabalhar remotamente. Sistemas de mensagens, videoconferências, colaboração e troca de arquivos, e-mails, sistemas financeiros, contábeis, de recursos humanos e outros precisam estar ali disponíveis para o trabalho. 
E quais são os impactos do Home Office? 
Bom eu vejo alguns pilares para serem analisados com carinho pelas empresas, empreendedores, governo e sociedade: 
A.  Economia | com a movimentação de parte dos trabalhadores (mesmo que em dias alternados) para as suas residências, teremos uma redução do comércio dos grandes centros migrando-os para os bairros. Mercearias, padarias e restaurantes tendem a serem abertos para suprir uma gama de gente que antes ia para esses grandes centros trabalhar. Vejo também a possibilidade de alguns coworkings (espaços compartilhados) passarem a ser um negócio viável, uma vez que muita gente acaba não conseguindo ter estrutura em casa ou não tem o comportamento necessário para ficar em casa trabalhando. 
B. Transportes | como consequência dessa migração para os bairros creio que o trânsito possa ter uma aliviada nas grandes rodovias e passem a se espalhar para outros horários fora do horário de trânsito mais intenso. 
C.  Tecnologia e Confidencialidade | As empresas vão precisar investir algum tempo, e dinheiro também, para permitirem que seus sistemas estejam além muros da companhia. E terão que pensar em como reduzir tramites burocráticos e de papeis impressos e assinados, como muitos processos exigem. E estando os computadores distantes das suas vistas, também terão que avaliar procedimentos de segurança e confidencialidade da informação.  
D. Relações Pessoais e Profissionais | Os departamentos de Recursos Humanos terão que pensar em estratégias que favoreçam a relação pessoal e profissional entre as pessoas, criando escalas de trabalho presencial para evitar que as pessoas não se conheçam pessoalmente. Além disso, você terá que se habituar a não conhecer a pessoa por um bom tempo e ainda sim manter relações profissionais com ela. Cuidados com o escrito e o dito a distância serão extremamente exigidos. 
Conclusão 
O Home Office é uma tendência que está se intensificando nos últimos anos, e sem dúvida você pode ser atingido por ele. As empresas têm visto com bons olhos a redução de custos que é proporcionada pela redução do espaço físico necessário para comportar todos os funcionários. 
Se prepare para os próximos tempos que virão ... 
Nos próximos artigos vou contar minha experiencia com esse tipo de trabalho. Aguarde! 

Comentários

  1. Adorei o desenvolvimento do tema. Incluiria na primeira parte o que o americano gosta de deixar explícito que é: o quanto de metrô quadrado ocioso nas empresas daria lugar a outras atividades (sunlocacao???).
    A complementar incluiria a nossa reforma trabalhista, que "abre" essa "oportunidade", mas principalmente a nova força de trabalho (dos millennials, que gostam de estar próximos mas não enfurnados o dia todo em um escritório)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ótimas contribuições. Participe do webinar e vamos discutir o tema.

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

WMV no iphone